ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

6 de setembro de 2011

TEUS BEIJOS.

Navego em teus beijos
Esqueço do mundo
Entrego-me ao desejo
Meus lábios aquecem
O corpo estremece
Pulsa meu sangue
O coração dispara
E tudo em volta para
Seus beijos... 
Há depois deles nada vejo
Sou só desejo....







Nenhum comentário:

Postar um comentário