ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

17 de setembro de 2010

पस्सोऊ..

Estou aqui na solidão
pensando em nós dois
que paixão fulminante
gostosa de sentir.
Você me possuindo
e eu me entregando,
arranhando tua carne
na busca de prazer,
meu cheiro te atrai
te penetra as narinas,
degustando minha seiva,
de fêmea enlouquecida,
num gemido de prazer,
a hora é era aquela que
você deixou passar,
por simplesmente ignoroar
que eu estava pronta
para você me entregar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário