ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

5 de agosto de 2010

Aquecidos.

Lá fora o frio a queimar nossas faces
as ruas agora cinzas desertas
mas aqui o calor de seu amor
com palavras doces como mel
aquecem minha alma,outrora
gelada pelo frio da solidão.
Vestimos casacos de carícias
envoltos com beijos suaves e intensos
em momentos de nossos seres,serem um só...

Nenhum comentário:

Postar um comentário