ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

21 de julho de 2010

Mistérios da noite.

Quando a noite caí
surgem mistérios
olhares se entre olham
faíscas soltas no ar
mulheres pelas calçadas
buscam se encontrar
perdidas em ruas estreitas
espreitam quem passa e fica
realidade tão dura,que faz
parte do nossos dias.
Mistérios da noite
trazem luzes e vozes
solidão e desilusão
amor e paixão
encantos de uma vida
em volto em sonhos
realidades e tristezas
enfim,mistérios de uma
noite que acaba com o
surgir de uma nova madrugada
trazendo esperanças...
Até mais uma noite...

Nenhum comentário:

Postar um comentário