ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

14 de junho de 2010

Onde está?

Onde está meu amor
Minha paixão,delirante
onde esta´meu doce encontro com
outro ser??
Como posso ser um ser tão só,
Diante da grandeza de tal sentimento,
Diante do colorido,da sensibilidade,
Do amor que é a conjunção de todas as cores,
A espera é doce,mas com amargo sabor
De vazio...Esperarei tão só...
Como o veto que sopra nas noites caladas e frias
Esperarei até me fartar dessa agonia que me invade a alma
Até que a espera chegue ao final
dos belos romances e histórias de amor
Então saberei onde ele está o meu amor...
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário