ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

28 de junho de 2010

Alcançar.

quantas vezes pensei
que sairia porta a fora
buscando por você
e de repente sinto-me amarrada
meus pés não saem do chão
meus braços não se movem
perplexa fico aqui tentando
me mover e tentar te alcançar
meus olhos embaçados
meu paladar adormecido
minha audição falhou
meu tato que já não sente mais
o toque de sua pele ficou sem
qualquer reação
cansada fico aqui parada a pensar
como posso te deixar e não querer te alcançar
adormecido meu corpo simplesmente fica a tentar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário