ESCREVER É UM VÍCIO QUE NÃO QUERO CURAR NUNCA.

12 de novembro de 2008

Rascunhos da vida

Rascunhos da vida.

Quantas vezes traçamos planos para alcançarmos ao longo de nossa vida, muitos são os desejos de nosso coração, mais infelizmente são poucos os que podemos alcançar. Talvez porque é mais fácil deixar a vida nos levar, as coisas acontecerem por si só, do que batalharmos por algo melhor, é claro que não estou generalizando, muitos são batalhadores e não se dão por vencidos. Eu mesmo conheço alguém muito especial nesse sentido, alguém que traçou planos para sua vida e mesmo em face de grandes dificuldades não desiste nunca, e olha que não são poucas, coisas até absurdas, é como se a vida dessa pessoa fosse classificada como um grande problema, mais ele consegue buscar forças além do normal e continua na luta pelos seus objetivos, sabe aquelas pessoas que de um limão fazem uma limonada, pois é isso que estou falando, saber aproveitar todas as oportunidades para chegar ao lugar tão esperado o topo dos seus sonhos. Os sonhos são algo que nos motivam a continuar na corrida da vida passando por todos os obstáculos, não importa quão intransponíveis eles pareçam ser. Nem sempre os monstros são tão grandes quanto parecem, e nem sempre somos tão pequenos como pensamos ser. Por exemplo, quando passamos por situações de risco, doenças na família ou mesmo a nossa em momentos dolorosos como a morte de alguém que amamos, enfim quando se requer de nós força e coragem para vencer essas e outras situações provadoras, buscamos dentro de nós o nosso melhor, tudo o que for necessário para enfrentar tais momentos, então não podemos nos sentir fracos e pequenos quando se trata de buscarmos realizar nossos sonhos, traçar nossos objetivos de vida, não podemos deixar que ela nos leve, temos o dever e obrigação de conduzir as coisas do melhor modo no nosso caminho,seja ele cheio de pedregulhos ou de pedras coloridas.

Na verdade quando atingimos nossos objetivos, debaixo de grandes empecilhos, dando acara a tapa se preciso for,mais indo a luta não importa quantas vezes caímos,levantando sempre, com certeza seremos como os grandes vencedores aqueles que não desistem nunca. Mais se no primeiro pedregulho com que nos deparamos, desistirmos por acharmos que não vamos conseguir, então realmente não merecemos ser vencedores. A nossa escolha deve ser vencer, não importa quão difícil isso nos pareça no momento, pois quando conseguimos temos a satisfação que só tem os que chegam ao final da corrida, sim, a nossa vida é uma grande maratona, todos somos corredores, em busca de nossos sonhos, de saber quem realmente somos, qual a nossa essência. Precisamos encontrar a nossa força motivadora, ela nos levara aos nossos objetivos concretos, nos fará persistirmos, e jamais desistirmos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário